quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

Sempre tive a incrível capacidade de não saber distinguir o carácter das pessoas... Ao contrário da minha querida mãezinha! Qualquer dia passo a dar-lhe ouvidos e deixo de rotular todos os que comigo se cruzam do mesmo modo: "desde que me sorria, é boa pessoa!". Aí talvez, e já que não vai com as pequenas dores e cicatrizes que ficam no coração, aprenda a sofrer menos quando tudo é demais!

"Ama a quem te ama, não ames a quem te sorrí porque quem te sorri te engana e quem te ama sofre por Ti!"

Sem comentários:

Enviar um comentário