sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

Susana Félix e Jorge Drexler - A Idade do Céu :)



"Calma, tudo está em calma
Deixa que o beijo dure
Deixa que o tempo cure
Deixa que alma
Tenha a mesma idade que a idade do céu"

terça-feira, 24 de janeiro de 2012

Adorei ter vindo :)

Uma mulher leva um bebe ao consultório do pediatra.
Depois da apresentação o médico começa a examinar o bebê e vê que o seu
peso está muito abaixo do normal e pergunta:
- O bebê bebe leite materno ou mamadeira?
- Leite materno - diz a senhora.
- Então, por favor, mostre-me os seus seios...
A mulher obedece e o médico toca, apalpa, aperta ambos os seios;
gira os dedos nos mamilos; primeiro suavemente, depois com mais força,
coloca as mãos em baixo e os levanta; uma vez, duas vezes; três vezes,
num exame detalhado;
Inconformado chupa os mamilos diversas vezes. Sacode a cabeça para ambos os lados e diz:
- Pode colocar a blusa...
Depois da senhora estar novamente composta o médico diz:
- É claro que o bebê tem peso a menos... A senhora não tem leite nenhum!
- Eu sei, doutor. Eu sou a avó. Mas adorei ter vindo...

segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

Significado do meu nome!

Olhem o que fui encontrar!!! Para quem me conhece, aqui reconhece muito de mim. Aos que não me conhecem, eis uma maneira de o fazer sem reservas! Está mesmo muito bom...


«Vem do grego e significa “amigo fiel”.
Grande personalidade que se afirma pela diferença.
Independente e individualista, sabe ser firme e implacável.
No amor é exigente.
Romântica e com muito amor para dar.
É uma pessoa divertida, que quer que todos gostem dela, e por isso não economiza no seu jeito gentil e simpático.
Gosta de ser o centro das atenções e busca apenas o melhor da vida.
Sensibiliza-se sempre ao ver uma criança.
Possui um lado negativo, que é aquele certo ar de mandão, o que pode torna-la um pouco egoísta.
Deve evitar de preocupar-se tanto com as coisas e mais consigo mesma, isto porque ninguém deve ser perfeito o tempo todo.
Pessoa que transmite desde muito cedo o seu lado afectuoso, muita beleza e harmonia.
A sua serenidade passa sempre a impressão de tranquilidade mesmo diante das tormentas.
O seu jeito bondoso de ser, faz com que todos busquem os seus conselhos. O seu senso de justiça é o que lhe faz buscar sempre a verdade.
Procura ter um comportamento que esteja acima de qualquer julgamento, e não aceita companhia dos que não agem de acordo com suas convicções.
Exemplo de honestidade e equilibrada.
Busca agir sempre com imparcialidade.
Excelente anfitriã, e gosta de ouvir tudo o que as pessoas têm a lhe dizer.
Cerca-se sempre de conforto e qualidade.
São muitos os seus pontos positivos, mas frequentemente corre o risco de ser vista como orgulhosa. Fintar este aspecto torna-se fácil quando aprende o valor da compreensão e a perdoar os erros dos outros.
É alguém que sabe comunicar com destreza, pois é criativa, optimista, amigável, animada, inspirada, popular, social, artística e prática.
São como as crianças, que adoram chamar atenção e estar em evidência.
Conseguem sempre atingir seus objectivos.
Se for alguém de natureza mental demonstra com essa vibração o dom natural para escrever, já os mais emocionais são actores ou cantores, e os frívolos gostam da vida em social.
Cultiva a arte de ser um verdadeiro bom amigo, já que amizade é de grande importância na sua vida.
As funções mais prováveis são a de crítico, organizador ou líder social, assistente social, eclesiástico ou missionário, joalheiro, chapeleiro, costureiro, decorador.
Com tendência a falar demais do que deve.
Mostra a pessoa como é interiormente. Revela-se como pensa, sente e age.
Leva a vida com o lema de dar e receber, não tem tempo para parar e pensar se é digna de recompensas ou não.
Precisa aprender a não abandonar os interesses pessoais quando quer conduzir multidões e ajudar a humanidade. Aceita sacrificar-se pelo bem comum da comunidade ou simplesmente de um grupo.
Quando consegue trabalhar desenvolvendo a mente e alma recebem o devido reconhecimento e é até aplaudida.
No que se refere ao amor é idealista, romântica, emotiva e ama intensamente, mas acaba logo com o romance quando não se encontra de acordo com seus ideais.
Possui um poder especial: saber partir do zero até atingir o mais alto objectivo.
Atrae as coisas boas da vida, gosta do que e belo, é especialmente charmosa e criativa.»

quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

Há uns tempos, após ter ido a uma conferência na Igreja de São Jorge de Arroios em Lisboa, fiquei "fã" do blog, dos pensamentos, das palavras e não só (...) da Laurinda Alves... Vale a pena passar, ler e reler... Numa linguagem simples, com temas sempre actuais e muito bem comentados...

Muitas vezes fico sem palavras, apenas a "meditar" o que publica a cada post! A última leitura que fiz deixou-me assim e refere-se a uma reportagem feita pela TVI que me marcou muito: http://laurindaalves.blogs.sapo.pt/525040.html.

sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

20 anos cego

Há muito tempo atrás, um casal de idosos que não tinham filhos, morava numa casinha humilde de madeira, tinham uma vida muito tranquila, alegre, e ambos se amavam muito. Eram felizes.
Até que um dia...
Aconteceu um acidente com a senhora. Ela estava trabalhando em sua casa quando começa a pegar fogo na cozinha e as chamas atingem todo o seu corpo. O esposo acorda assustado com os gritos e vai a sua procura, quando a vê coberta pelas chamas e imediatamente tenta ajudá-la.
O fogo também atinge seus braços e, mesmo em chamas, consegue apagar o fogo.
Quando chegaram os bombeiros já não havia muito da casa, apenas uma parte, toda destruída.
Levaram rapidamente o casal para o hospital mais próximo, onde foram internados em estado grave. Após algum tempo aquele senhor menos atingido pelo fogo saiu da UTI e foi ao encontro de sua amada.
Ainda em seu leito a senhora toda queimada, pensava em não viver mais, pois estava toda deformada, o fogo queimara todo o seu rosto.
Chegando ao quarto de sua senhora, ela foi falando:
Tudo bem com você meu amor?
Sim, respondeu ele, pena que o fogo atingiu os meus olhos e não posso mais enxergar, mas fique tranqüila meu amor porque sua beleza está gravada em meu coração para sempre.
Então triste pelo esposo, a senhora pensou consigo mesma: "Como Deus é bom, vendo tudo o que aconteceu, a meu marido tirou-lhe a visão para que não presencie esta deformação em mim. As chamas queimaram todo o meu rosto e estou parecendo um monstro. E Deus é tão maravilhoso que não deixou ele me ver assim,como um monstro. Obrigado Senhor!"
Passado algum tempo e recuperados milagrosamente, voltaram para uma nova casa, onde ela fazia tudo para o seu querido e amado esposo, e o esposo agradecido por tanto amor, afeto e carinho, todos os dias dizia-lhe: -COMO EU TE AMO. Você é linda demais. Saiba que você é e será sempre, a mulher da minha vida!
E assim viveram mais 20 anos até que a senhora veio a falecer.
No dia de seu enterro, quando todos se despediam da bondosa senhora, veio aquele marido com os olhos em lágrimas, sem seus óculos escuros e com sua bengala nas mãos. Chegou perto do caixão, beijou o rosto acariciando sua amada, disse em um tom apaixonante: -"Como você é linda meu amor, eu te amo muito".
Ouvindo e vendo aquela cena um amigo que esta ao seu lado perguntou se o que tinha acontecido era milagre. Pois parecia que o velhinho parecia enxergar sua amada.
O velhinho olhando nos olhos do amigo, apenas falou com as lágrimas rolando quente em sua face: -Nunca estive cego, apenas fingia, pois quando vi minha amada esposa toda queimada e deformada, sabia que seria duro para ela continuar vivendo daquela maneira. Foram vinte anos vivendo muito felizes e apaixonados! Foram os 20 anos mais felizes de minha vida.
E emocionou a todos os que ali estavam presentes.

CONCLUSÃO
Na vida temos de provar que amamos!
Muitas vezes de uma forma difícil...
E, para sermos felizes, temos de fechar os olhos para muitas coisas, mas o importante é que se faça única e intensamente com AMOR!

quarta-feira, 11 de janeiro de 2012

Marido criativo :D


video

De profundis clamavit ad te domine

Senhor,
ensina-me a utrapassar
as dificuldades de cada dia
como degraus para Ti.
Ensina-me a acreditar
que cada dia
posso vencer.
Ensina-me a caminhar
para Ti.
Diláta-me o coração
para que haja nele
amplo lugar para Ti,
para todos os homens
e para tudo o que é bom.


Uma pequena oração, retirada de um livro especial "Há luz traçando um caminho", que num momento dificil da minha vida me marcou de forma positiva! (1998/1999)

segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

O silêncio

Vale a pena pensar nisto:


"O silêncio hoje é uma fome, é uma necessidade fundamental. Este silêncio não é necessariamente ausência de ruído. A ausência de ruído ajuda ao silêncio. Para fazermos uma pedagogia de silêncio na nossa vida convém termos períodos em que estejamos mesmo em silêncio. O silêncio é a paz com Deus! O silêncio é o silêncio de Deus, que para nós é um mistério muito grande. É o participar, em cada momento, de uma outra dimensão da vida que não é aquela que eu consigo imediatamente. O silêncio está muito ligado ao anseio de profundidade. A superficialidade é sempre contra o silêncio.
É um facto que hoje vivemos numa sociedade de "balbúrdia". Mas também podemos fugir dela! Eu costumo brincar com os meus sobrinhos e irmãos, quando começam a refilar com os programas de televisão, e digo-lhes sempre: "Mas a televisão tem um botão… vocês podem apagar!". Hoje em dia, as pessoas são capazes de refilar mas não são capazes de "desligar o botão". Mas isto é apenas uma pedagogia para o silêncio. Porque o silêncio é uma experiência de interioridade. A oração é sempre a participação no silêncio de Deus. A oração é certamente a expressão principal dessa pedagogia do silêncio, mas por vezes é um silêncio muito atravessado por mensagens. Não é um silêncio pacífico, porque Deus precisa de tempo para se nos manifestar e revelar."


Palavras do nosso Cardeal Patriarca, D. José Policarpo numa grande entrevista ao Jornal VOZ DA VERDADE.

domingo, 8 de janeiro de 2012

Se for para esquentar, que seja ao sol
Se for para enganar, que seja o estomago
Se for para chorar, que seja de alegria
Se for para mentir, que seja na idade
Se for para roubar, que seja um beijo
Se for para perder, que seja o medo
Se for para cair, que seja nas “Graça de Deus”
Se existir guerra, que seja de almofadas
Se existir fome, que seja de amor
Se for para ser feliz, que seja o tempo todo!!!

FELIZ!!!
Mesmo com os desafios, mesmo com as tempestades, mesmo com todos os obstáculos que me possam por no caminho, mesmo quando sem forças cair… FELIZ porque em cada um dos momentos menos bons há uma vitória, uma lição de vida, uma oportunidade de crescimento, uma vontade maior de a cada queda levantar-me de novo, sorrir, agradecer e dizer aos que querem contrariar tudo isso que SOU FELIZ!!!

sexta-feira, 6 de janeiro de 2012



Estou aqui não porque deva estar, nem porque me sinta cativa nesta situação, mas porque queres que eu esteja aqui - Contigo - mais do que em qualquer outro lugar no mundo...

A melhor receita do mundo

Ingredientes:
água quente q.b.
gel de banho 2 c. sopa
necessidade de relaxamento q.b.
silêncio 1 pacote dos grandes inteiro
ausência de perturbação várias c. sopa

Procedimento:
Encha a banheira de água quente e misture um pouco de gel de banho com as mãos. Não deixe arrefecer e entre na banheira, cobrindo o corpo de água e espuma. Adicione a necessidade de relaxamento, o silêncio e a ausência de perturbação (é imprescindível reunir os três ingredientes de uma só vez) e deixe-se ficar em banho-maria durante cerca de 7 minutos. Seguidamente, dobre as pernas e deixe a cabeça cair para dentro de água de modo a ficar apenas com parte do rosto de fora, mergulhando o cabelo e as orelhas. Permaneça assim durante 10 minutos, a ouvir apenas a sua respiração e o bater do coração. Pense ou, se preferir, limpe a cabeça e não pense em nada, relaxe, esteja apenas…
Verá que é a melhor receita do mundo.

quinta-feira, 5 de janeiro de 2012




Tem dias em que me sinto muito triste pelo facto de ter "o mundo contra mim"... Contudo, acredito que esta é a forma de conversão que o Senhor me confiou! Peço-lhe que me dê forças para aceitar tudo com caridade e amor...

segunda-feira, 2 de janeiro de 2012

O amor...

AMAR É UMA DECISÃO, NÃO UM SENTIMENTO!

Um esposo foi visitar um sábio conselheiro e disse-lhe que já não amava sua esposa e que pensava em separar-se.
O sábio escutou-o, olhou-o nos olhos e disse-lhes apenas uma palavra:
-Ame-a. E calou-se.
-Mas, já não sinto nada por ela!
-Ame-a! - disse-lhe novamente o sábio.
E diante do desconcerto do homem, depois de um breve silêncio, o sábio disse-lhe o seguinte:
-Amar é uma decisão, não um sentimento;
Amar é dedicação e entrega.
Amar é um verbo e o fruto dessa ação é o amor.
O amor é um exercício de jardinagem: arranque o que faz mal, prepare o terreno, semeie, seja paciente, regue e cuide.
Esteja preparado porque haverão pragas, secas ou excessos de chuvas, mas nem por isso abandone o seu jardim.
Ame quem está ao teu lado, aceite-a, valorize-a, respeite-a, dê afeto e ternura, admire e compreenda-a. Ame! POIS, A VIDA SEM AMOR, NÃO TEM SENTIDO!

A inteligência sem amor, te faz perverso.
A justiça sem amor, te faz implacável.
A diplomacia sem amor, te faz hipócrita.
O êxito sem amor, te faz arrogante.
A riqueza sem amor, te faz avaro.
A docilidade sem amor te faz servil.
A pobreza sem amor, te faz orgulhoso.
A beleza sem amor, te faz ridículo.
A autoridade sem amor, te faz tirano.
O trabalho sem amor, te faz escravo.
A simplicidade sem amor, te deprecia.
A oração sem amor, te faz introvertido.
A lei sem amor, te escraviza.
A política sem amor, te deixa egoísta.
A fé sem amor te deixa fanático.
A cruz sem amor se converte em tortura, e a vida sem amor... não tem sentido!!!