sábado, 8 de novembro de 2014

Ah ah ah :) Passaram-se 4 anos!

Juro que me deu vontade de rir, mas na verdade eu devia era chorar! Passaram-se 4 anos!!!
Foram quatro anos e hoje este post parece-me escrito só há uns instantes atrás, dias talvez, umas semanas recuadas no tempo no máximo, dos máximos! E eu continuo um bocadinho sem saber o que fazer?!
A vida neste intervalo de tempo foi tão boa, quanto estranha. Como posso ter vivido quatro anos da minha vida e hoje tudo ser tão actual? Há diferenças é certo, coisas que hoje já vivi e que há data ainda não passavam de meras suposições, sentimentos que construí, experiências que adquiri, envolvências, pessoas e lugares, uma história repleta de coisas muito boas que vou recordar para sempre, mas ao mesmo tempo, permanecem os mesmos "velhos" sentimentos de incerteza.
A grande semelhança entre o hoje e este passado tão pouco longínquo é que continuo naquela busca incessante da felicidade... Já a diferença (a gigantesca diferença!) é que procuro noutros locais, com outra(s) pessoa(s), tendo deixado lá no passado quem a ele pertence!

Sem comentários:

Enviar um comentário