terça-feira, 30 de junho de 2015

De hoje a um mês eu quero!

- Acordar cedo, tomar um grande pequeno almoço e aproveitar todas as horas do meu dia;

- Quero ter um tempo só para mim, puder ir ver o mar, escutar o silêncio e mimar-me um pouco;
- Quero receber mensagens dos que gostam de mim e não de toda a gente que me conhece. Quero puder ter liberdade para atender só as chamadas daqueles que me são especiais. No fundo quero apenas palavras bonitas, sentidas, quentes e profundas, vindas somente dos que me fazem bem, dos que são importantes, especiais, únicos e insubstituíveis;
- Quero estar com a minha mãe, a minha família, os amigos importantes e os especiais;
- Quero surpresas, quero ser surpreendida e quero viver cada encontro ao máximo;
- Quero sorrissos, quero flores, quero balões, quero abraços, quero beijos, quero gestos simples, sinceros, puros e doces;




- Quero que me ofereçam - e em grande quantidade - coisas não palpáveis:
- Quero chegar ao fim do dia a chorar ou a rir de tanta felicidade;
- Quero olhar o céu estrelado à noite, contlemplar a lua e agradecer mais um dia...

Sem comentários:

Enviar um comentário