terça-feira, 24 de novembro de 2015

Sofia Ribeiro

Gosto muito da pessoa que é, mas ainda que não gostasse era impossível ficar indiferente ao que lhe está a acontecer... Hoje, mais uma vez, esta estúpida doença deixa-me sem perceber o porquê de certas coisas... 



É, sem dúvida, uma mulher de armas e de coragem! Uma mulher linda e lutadora, que tal como ela afirma vai vencer esta doença... "As lágrimas que me chovem dos olhos nos últimos dias, da mesma forma que as nuvens vêm e vão...as gargalhadas em forma de "fuga" e a dormência que sinto em mim, são o reflexo do medo que me vai na alma. Medo de perder os meus, medo de perder o meu trabalho, o meu futuro, medo do incerto, medo de tudo e mesmo assim medo de nada. Sim, já percebi que ter cancro não é o fim, e não será o meu, mas sim o início de uma grande batalha. Felizmente os casos de sucesso são mais que muitos, são graças a Deus a maioria. E eu vou fazer parte dela. 

Quem me conhece de perto e vocês também já me conhecem um bocadinho, sabem que não sou de desistir. Toda a vida lutei e vou continuar a fazê-lo, juro por tudo, por Deus, juro por mim e por todos os que acreditam em mim. Vou seguir o exemplo dos milhares de Mulheres, guerreiras, que conseguiram ganhar ao cancro e vou também eu pertencer a esse grupo, dos que lutam para vencer este mal cada vez mais presente nas nossas vidas. Neste momento é tudo o que vos consigo dizer."

Sem comentários:

Enviar um comentário