quarta-feira, 30 de dezembro de 2015

Dezembro foi mais ou menos assim...


Comecei o mês um pouco adoentada, desanimada e atulhada com muitas coisas... Este ano, como já começa a ser hábito, tive muitos almoços. lanches e jantares de Natal, de tal modo que comecei a dia 5 e só acabei a 28!
Em Dezembro fui, finalmente fazer uns exames e analises e umas coisas assim que tinha marcados há imenso tempo e com tudo isto, consegui apanhar uma mini-gripe, voltei a ficar sem voz, voltou a tosse e a irritabilidade na garganta, conclusão: algum repouso e muito cuidado... Descuido muito de mim e isso depois reflete-se quando ando mais cansada.
Depois, este mês, com toda a sua magia é tempo de prendas e, no meu caso, de trabalhos manuais (e falando disso tenho algumas coisinhas em atraso para vos mostrar). Este ano, ao contrário do que aconteceu o ano passado despachei tudo relativamente cedo, não fui às compras de última hora e ainda tive tempo para mimar um pouco mais os sobrinhos, que este ano receberam da tia duas prendas cada um. Ainda no campo dos trabalhos manuais consegui - finalmente - fazer a minha árvore de Natal!!!
Este ano, neste mês de Dezembro, consegui ir a Sintra à noite ver as decorações de Natal, tive um jantar de Natal especial e um fim-de-semana (de 18 a 20) muito, muito preenchido... Mas também muito feliz!!! Sinto, cada vez mais, que vale a pena empenhar-me mais e mais, dar de mim, não dormir e cansar-me pelas pessoas certas da minha vida... (obrigada JA, JENGA, M, TM, TV, TP e outros tantos!)
Como também já vem sendo hábito, houve muitas festas para miúdos e graúdos, houve a festa de Natal do Lar, a do trabalho, a da catequese, a dos putos e a entrega de prendas às instituições... E eu, fui estando em  todas com o sentimento de carinho e presença em algumas delas e com o dever noutras. Apesar do pouco tempo para cada uma das coisas que se desenrolaram neste mês, tudo correu muito bem. A vida resolve-se sozinha, quando nós estamos nas coisas por bem, por vontade própria e de coração disponível...
Este ano, o Natal que é sempre lá em casa, foi um pouco mais cansativo, primeiro porque eu própria estava estou mais cansada do que o habitual e depois porque a minha mãe já não consegue fazer a maioria das coisas que fazia completamente sozinha e eu tive que assim fazer um pouco mais. Mas, ainda assim, foi um bom Natal e o menino nasceu entre nós...
Esta semana tem sido tempo de poucas horas de sono, cafés com os amigos que já só vejo para o ano, o canto das janeiras, trabalho e muita privação do sono (já disse?)... Mas tem sido também, tempo de agradecimento e reflexão...
Dezembro foi um bom mês e 2015 um excelente ano!

Sem comentários:

Enviar um comentário