sábado, 9 de janeiro de 2016

Desejo um 2016 cheio de...


Podem achar que é o básico, cliché, aquilo que ah e tal todos pedem... Mas para 2016 eu só peço um ano cheio de saúde para mim, para todos os meus e sobretudo para a minha mãe! 
Infelizmente, sei o que se sofre por não termos saúde. Sei-o no seio familiar, em alguns amigos e, também o sei "na pele", pois nos últimos meses tenho apanhado alguns pequenos sustos, que embora não tenham passado de pequenos sustos, me deixaram menos activa, mais preocupada e alerta... Com a saúde não se brinca! E, eu sei, muito bem disso. Sou a pior pessoa para ir ao médico, só vou quando já não aguento mais e, adio consultas, análises e exames até não dar mais e depois? Depois o corpo dá o alerta e apanha-se um susto... Por isso, neste novo ano, vai ser diferente!!! Vou estar alerta, cuidar, tratar e não descuidar...
Quando temos saúde, temos força, temos garra, temos vida! E quando há vida, há também tanto por se fazer, tanto para contar, tanto para partilhar, tanto para viver... Por isso que não me falte a saúde, a mim, aos meus, aos que amo muito e, reforço, ao pilar da minha vida: mãe!

Sem comentários:

Enviar um comentário