quinta-feira, 16 de março de 2017

#37 Conversas

Uma noite desta semana com um amigo com quem já não estava há algum tempo:
(durante o abraço inicial)
Eu - Que saudades! Há quanto tempo...
Ele - Só mais um bocadinho (abraçados)... Tinha mesmo saudades tuas...
Pareceu-me que o nosso abraço no Carnaval foi especial. Foi tão próximo. Fiquei com a sensação que se passava algo contigo...
Eu - A sério? Está tudo bem. Acho que eram só saudades...
(durante a conversa)
Ele - Tu és uma parva!
Faço cara de incrédula... E:
Ele - É verdade! Tu és mesmo parva! Não acredito que consigas dizer que não se ela te pedir ajuda!
Eu - Pois... Mas estou um bocadinho triste. Quando somos importantes para as pessoas elas lembram-se de nós e procuram-nos... independentemente de tudo o resto! 

Porque há amizades, recentes ou não, que são assim "seladas" por um abraço que vale ouro!
E, porque, num mundo onde as pessoas já não dão valor aos pequenos grandes gestos: não se falam, não ligam a matar saudades, não se veêm com frequência, não se abraçam, este abraço foi importante e bom! Obrigada EV!!!

Sem comentários:

Enviar um comentário