quinta-feira, 16 de março de 2017

#37 Conversas

Uma noite desta semana com um amigo com quem já não estava há algum tempo:
(durante o abraço inicial)
Eu - Que saudades! Há quanto tempo...
Ele - Só mais um bocadinho (abraçados)... Tinha mesmo saudades tuas...
Pareceu-me que o nosso abraço no Carnaval foi especial. Foi tão próximo. Fiquei com a sensação que se passava algo contigo...
Eu - A sério? Está tudo bem. Acho que eram só saudades...
(durante a conversa)
Ele - Tu és uma parva!
Faço cara de incrédula... E:
Ele - É verdade! Tu és mesmo parva! Não acredito que consigas dizer que não se ela te pedir ajuda!
Eu - Pois... Mas estou um bocadinho triste. Quando somos importantes para as pessoas elas lembram-se de nós e procuram-nos... independentemente de tudo o resto! 

Porque há amizades, recentes ou não, que são assim "seladas" por um abraço que vale ouro!
E, porque, num mundo onde as pessoas já não valor aos pequenos grandes gestos: não se falam, não ligam a matar saudades, não se veêm com frequência, não se abraçam, este abraço foi importante e bom! Obrigada EV!!!

Sem comentários:

Enviar um comentário